HOSS

Publicidade
PORTALAZAMERICA
Publicidade
PORTALAZAMERICA
Publicidade
PORTALAZAMERICA
Publicidade



PublicidadePORTALAZAMERICA


SATÉLITE AMAZONAS 2 PODE SAIR DO AR EM BREVE POR INTERFERÊNCIA DE SINAL DE OUTRO SATÉLITE - 28/11/2018

SATÉLITE AMAZONAS 2 PODE SAIR DO AR EM BREVE POR INTERFERÊNCIA DE SINAL DE OUTRO SATÉLITE - 28/11/2018Resultado de imagem para SATÉLITE AMAZONAS 2
A Telefônica/Vivo tem uma grande dor de cabeça a resolver até o final do mês de novembro deste ano, entrar em consenso de operação de transmissão de frequências de satélite na Banda KU com a Telesat, que administra os satélites Telstar, por conta da entrada em operação deste último que, em testes já realizados, causou importante interferência no sinal captado pelos assinantes da tv por assinatura da Vivo/Telefônica que recebem o sinal da operadora através do satélite Amazonas 2, sabidamente são os assinantes do estado de São Paulo.
Publicidade
O satélite Amazonas 2 está na posição orbital 61°W enquanto o Telstar 19 Vantage está na posição orbital 63°W. A Anatel estendeu o prazo para que ambas as operadoras resolvam a interferência que um satélite tem causado na captação de sinal do outro, reuniões para uma tentativa de consenso entre as duas empresas já foram realizadas no escritório da Anatel, em São Paulo, sem que as empresas tenham chegado a um acordo. No último mês de agosto a Anatel expediu medida cautelar em favor do satélite Amazonas 2, medida esta que visa evitar a interferências do satélite Telstar 19 Vantage na prestação do serviço de DTH (tv por assinatura) da Telefônica/Vivo. Esta medida no entanto não garante a continuidade do serviço do Amazonas 2 sem que este sofra interferências do Telstar 19V já que este também irá operar suas transmissões servindo, além da Banda KU para o Brasil, países da América Central e do Norte. O Telstar 19V também irá operar Banda Ka para países da América do Norte e estes países estrangeiros já deram permissão para que o Telstar 19V entre em operação conforme contrato já obtido naqueles países. Se até o final de novembro a questão técnica entre os satélites não for resolvida o Telstar 19V irá iniciar as operações e o abacaxi deverá ser descascado somente pela Hispasat.
Publicidade
A Anatel já anunciou que irá adotar as medidas cabíveis para garantir os direitos de continuidade de serviço dos assinantes da Telefônica/Vivo que forem prejudicados por interferências na recepção dos serviços contratados junto à Telefônica. Obs. os receptores de tv pirata que se aproveitam do sinal do satélite Amazonas também serão atingidos pela interferência causada pelo Telstar 19V no satélite Amazonas 2. VAMOS AGUARDAR...

NOTA: NÃO  TEMOS NOTA MAIS VOCÊ PODE ESTAR PESQUISANDO AQUI

Publicidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado Pelo seu comentário!
Ele passara por aprovação e logo estará visível

 
2017. PORTAL AZAMERICA NOVAS ATUALIZAÇÕES DISPONÍVEIS AQUI.